MENU

Kassab diz que SP faz levantamento nas escolas para melhorar segurança

Kassab diz que SP faz levantamento nas escolas para melhorar segurança

Atualizado: Sexta-feira, 8 Abril de 2011 as 12:34

O prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, disse na manhã desta sexta-feira (8) que a Secretaria Municipal de Educação está fazendo um levantamento nas escolas da cidade para saber como melhorar a conduta dos responsáveis pela segurança nos estabelecimentos municipais de ensino. A medida foi tomada depois que um ex-aluno de uma escola em Realengo, na Zona Oeste do Rio de Janeiro, invadiu o local e atirou contra alunos. Doze crianças morreram. O atirador se matou.

  Para o prefeito, é preciso tirar lições da tragédia ocorrida no Rio de Janeiro. “Temos que entender que infelizmente no mundo de hoje nós estamos sujeitos a ações tão bárbaras como essa, tão espantosas. A Prefeitura, através da Secretaria de Educação, está fazendo um levantamento de como melhorar a conduta daqueles que têm, sejam empresas, sejam profissionais, a responsabilidade de fazer a segurança [das escolas]”, disse o prefeito, após cerimônia de sanção de dois projetos de lei com benefícios para a Guarda Civil Metropolitana.

Kassab explicou que, atualmente, nas escolas instaladas em áreas consideradas de maior vulnerabilidade social há policiamento fixo, enquanto nas outras há a passagem da ronda escolar. “Porém, no Rio de Janeiro, não era uma região de muita vulnerabilidade. Foi uma pessoa demente que simplesmente resolveu fazer aquela tragédia. Nós temos que estar preparados para isso.”

O prefeito também disse que a questão da segurança deve ser pensada não apenas para escolas, mas também para outros prédios públicos. “O que precisa haver mesmo é segurança, para que possam ser selecionadas as pessoas que entram nas escolas. Isso existe, mas tem que ser aperfeiçoado. A tragédia de ontem mostrou o quanto é necessário pensar na questão da segurança em relação aos equipamentos públicos, qualquer que seja ele. Não precisa ser só escola, ele podia ter entrado em um hospital”, afirmou.

Governo estadual

Na quinta-feira (7), o governador do estado, Geraldo Alckmin, disse que a Secretaria Estadual da Educação de São Paulo vai avaliar se existe a necessidade de novas medidas para prevenir episódios de violência em escolas como o ocorrido no Rio de Janeiro.

O governador paulista solidarizou-se com as famílias das vítimas, afirmou que casos como o do Rio são difíceis de prever e afirmou que São Paulo conta com um sistema de ronda escolar, um grupamento da Polícia Militar que só patrulha as escolas.

"Nós já temos um sistema de segurança. A Secretaria da Educação está avaliando se há necessidade de outras medidas, mas eu diria que esse caso do Rio de Janeiro extrapola a segurança normal. São casos gravíssimos e difíceis de serem detectados", afirmou.      

veja também