MENU

Lady Gaga é a mulher do ano na música sem lançar música nenhuma

Lady Gaga é a mulher do ano na música sem lançar música nenhuma

Atualizado: Terça-feira, 28 Dezembro de 2010 as 10:49

Lady Gaga não lançou oficialmente nenhuma música nova em 2010. No entanto foi, neste período, a pessoa que mais gerou polêmicas, notícias e comentários em todo o mundo da música.

Com eco dos seus trabalhos de 2009, Gaga começou o ano bem, conquistando o primeiro single número um de 2010 na Inglaterra com "Bad Romance".

Ela também caiu na estrada no segundo dia do ano com a turnê "The Monster Ball", que tinha começado em novembro. Logo a turnê virou notícia quando Gaga cancelou um show por exaustão e desidratação.

Em março, ela lançou o clipe de "Telephone" junto com Beyoncé e, em junho, foi a vez do clipe de "Alejandro", que trazia um modelo brasileiro Evandro Soldati.

Mas o que Lady Gaga mais fez neste ano foi provocar polêmica.

Polêmica por estar nua, como fez na capa da revista "Q". Na foto, ela aparece fazendo topless e cobrindo os seus com as mãos e a revista acabou banida de livrarias americanas por ser considerada ofensiva. E na capa da "Vanity Fair" de setembro, onde aparece coberta apenas por longos cabelos brancos.

Polêmica por segurar duas metralhadoras na capa da revista "Rolling Stone" de julho.

E, acima de tudo, muita polêmica por suas roupas extravagantes.

A principal delas aconteceu em setembro, quando Gaga compareceu ao MTV Video Music Awards usando um vestido feito de carne crua e, com ele, roubou toda a atenção da noite. A explicação do figurino foi confusa.

"Se não defendermos aquilo que acreditamos e se não lutarmos pelos nossos direitos, muito em breve teremos tantos direitos quanto a carne nos nossos ossos", disse. Em resposta, Gaga ganhou um vestido vegetariano de Ellen DeGeneres.

Em maio, Lady Gaga revelou em entrevista ao jornal "The Times" que estava com suspeita de ter lupus. Ela contou que perdeu uma tia para a doença e que havia feito exames para descobrir se também tinha.

No início de junho, ela revelou que seu exame tinha detectado que ela tem predisposição genética para a doença, mas que não apresenta sintomas.

MILHÕES DE AMIGOS

Neste ano, Lady Gaga aumentou sua legião de adoradores: superou Obama com 10 milhões de fãs no Facebook e ultrapassou Britney Spears no número de seguidores no Twitter.

Alguns desses fãs são famosos, como Bruce Willis, que apareceu no programa de David Letterman usando uma peruca de carne, e Laura Fontana, a brasileira de 8 anos que ficou conhecida no mundo como a Mini Lady Gaga depois de imitar a cantora no programa "Qual É o Seu Talento?", do SBT, em março.

Em abril, Lady Gaga foi incluída na lista de 25 pessoas mais influentes do mundo pela revista "Time".

Mas nem todo mundo foi conquistado. O comediante Jerry Seinfeld, por exemplo, chamou Gaga de "babaca". Isso porque a cantora foi convidada a assistir do camarote de Seinfeld a um jogo de beisebol e, durante a partida --que ela assistiu só de sutiã--, ela mostrou o dedo médio para os fotógrafos.

O vocalista do Jamiroquai, Jay Kay, também criticou a cantora. Ele afirmou, durante passagem pelo México, que ela não passa de uma excêntrica rentável para as gravadoras e capaz de fazer qualquer coisa para chamar a atenção.

Criticas à parte, Lady Gaga não pode reclamar de dinheiro. Já em junho, a cantora apareceu entre as cinco personalidades mais bem remuneradas em ranking da revista "Forbes". Seu valor no momento era de R$ 109,74 milhões.

Lady Gaga também colecionou diversos prêmios em 2010.

Ele foi a vencedora em três categorias no Brit Awards, em fevereiro (melhor álbum internacional para "The Fame", show e intérprete internacional) e, em setembro, levou oito prêmios no MTV Video Music Awards, incluindo o de Vídeo de Ano para "Bad Romance".

Em outro prêmio da MTV, o MTV Europe Awards, foi novamente a grande vencedora ganhando três estatuetas.

veja também