MENU

Litoral de SP terá policiais à paisana na praia

Litoral de SP terá policiais à paisana na praia

Atualizado: Segunda-feira, 27 Dezembro de 2010 as 3:17

Durante a Operação Verão, que começa nesta segunda-feira (27) no litoral de São Paulo, a Polícia Civil do Guarujá vai usar um novo método para combater crimes. Investigadores e escrivães à paisana vão fazer o policiamento preventivo na faixa de areia. O objetivo é evitar os furtos e roubos a banhistas. Essa mesma tática também será seguida pela Polícia Militar.

Segundo a Secretaria da Segurança Pública, até o dia 31 de janeiro 15 cidades do litoral norte e sul vão contar com o reforço de 5,1 mil policiais civis e militares. Além desse efetivo, as praias serão monitoradas por sete helicópteros Águia da PM. Batalhões considerados de elite serão deslocados para as praias, como a Rondas Ostensivas Tobias Aguiar (Rota), o Canil e o Regimento de Cavalaria.

No Guarujá, está previsto para chegar à cidade um efetivo de pelo menos cem policiais civis. A prefeitura também ofereceu guardas civis para fazer hora extra e auxiliar no patrulhamento das praias. Toda a movimentação de turistas será filmada.

A cidade é vigiada por 33 câmeras e os equipamentos estão instalados principalmente na orla das Praias de Pitangueiras e Enseada, onde há maior concentração de pessoas. Em 2011, a administração municipal pretende instalar mais 22 câmeras.

Em Santos, o jardim da orla terá reforço na segurança com guardas municipais, que vão se revezar em oito quadriciclos. Além disso, 185 guardiães cidadãos foram treinados para orientar a população sobre horários adequados para a prática de esportes, crianças perdidas e informações sobre o uso de som alto em veículos.

A cidade deve receber mais dez policiais civis, entre investigadores e escrivães, e 200 homens da PM - cadetes da Academia do Barro Branco, além de soldados e cabos.

veja também