Lombardi, locutor de Silvio Santos, morre aos 69 anos em São Paulo

Lombardi, locutor de Silvio Santos, morre aos 69 anos em São Paulo

Atualizado: Quarta-feira, 2 Dezembro de 2009 as 12

Luiz Lombardi Neto, locutor oficial do apresentador e empresário Silvio Santos, morreu aos 69 anos nesta quarta-feira (2), na cidade de Santo André, na região do ABC paulista.

Segundo o irmão do locutor, Reinaldo Lombardi, ele foi encontrado às 8h desta quarta por sua mulher, Eni, morto na cama de sua residência. O corpo ainda se encontra no local. Ainda não se sabe o que vitimou o locutor.

Silvio Santos: abalado

Silvio Santos foi pego de surpresa com a notícia da morte de Luiz Lombardi Neto, locutor que era seu parceiro no SBT há 40 anos. "Ele está muito abalado. Recebeu a notícia com muita tristeza", afirmou ao Portal CARAS Maísa Alves, assessora de imprensa da emissora de Silvio.

De acordo com ela, Silvio chegou a cancelar a gravação da manhã desta quarta-feira, 2, que contaria com a participação do locutor. Mas, por respeito a plateia, que já estava nos estúdios do SBT, e ao próprio Lombardi, voltou atrás na decisão. "Silvio está muito triste, mas decidiu não cancelar a gravação para fazer uma homenagem ao amigo de mais de 40 anos", afirmou ela.

Nota de falecimento

Horas depois de confirmada a morte de Lombardi, o SBT divulgou a nota oficial de falecimento do locutor. "É com muita tristeza que o SBT comunica o falecimento do grande companheiro de Silvio Santos e da emissora, Luiz Lombardi Neto, de 69 anos. O fato aconteceu nesta quarta-feira, 2 de dezembro, por volta das 8h. Segundo sua esposa, Eni Lombardi, já pela manhã, ao acordá-lo, encontrou-o sem vida", diz o texto divulgado pela emissora de Silvio Santos.

Lombardi foi encontrado morto, aos 69 anos, na manhã desta quarta, 2, em sua casa, na cidade de Santo André, na Região Metropolitana de São Paulo. Procurado pelo Portal CARAS, Reinaldo Lombardi, irmão do locutor, afirmou que Lombardi não tinha problemas de saúde.

A polícia e os agentes do Instituto Médico Legal do Estado de São Paulo estão na residência do locutor apurando as causas da morte para a liberação do corpo. A família ainda não definiu onde serão realizados o velório e o enterro de Lombardi.

veja também