MENU

Lula começa nesta segunda tratamento contra câncer na laringe

Lula começa nesta segunda tratamento contra câncer na laringe

Atualizado: Segunda-feira, 31 Outubro de 2011 as 8:58

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva inicia nesta segunda-feira (31), a partir das 9h, o tratamento contra o câncer na laringe que será realizado no hospital Sírio-Libanês, em São Paulo. O tratamento, segundo os médicos, deve durar pelo menos três semanas, podendo ser estendido a depender dos resultados. O câncer do ex-presidente está localizado sobre a glote. Em entrevista ao Fantástico, neste domingo (30), o médico Roberto Kalil afirmou que as chances de cura do câncer do ex-presidente são de 80% ( Veja vídeo acima )

"Os oncologistas são extremamente otimistas em relação ao tratamento proposto, a quimioterapia seguida de radioterapia. Há uma grande chance de cura. Segundo os oncologistas, em torno de 80% [de chances de cura total], o que é bastante bom", disse Kalil.

Lula vai receber um coquetel com três medicamentos: taxotere, cisplatina e fluorouracila. Os remédios vão agir para interromper a multiplicaçao desordenada das células, o que caracteriza a existência do tumor. Segundo médico, o tratamento pode causar queda de cabelo, descamação da pele e o sistema imunológico pode ser afetado.

"Nesse tipo de quimioterápico, os efeitos [colaterais] são gastrointestinais. Tanto diarréia como constipação intestinal, enjoo, queda da imunidade, um tipo de fraqueza. Isso pode acontecer, com certeza, queda de cabelo e barba é bem provável que ocorra isso", explicou o médico.

Um catéter, ligado a uma bolsa que ficará amarrada na cintura de Lula, será instalado do lado de direito do peito do ex-presidente para que seja injetada medicação direto na corrente sanguínea por cinco dias.

O que levou Lula ao hospital foi uma rouquidão anormal, que surgiu há cerca de 40 dias. Ele passou por uma ressonância magnética e uma tomografia de pescoço, exames que acabaram por levar ao diagnóstico da doença.

Lula com neto na sacada do apartamento onde

mora, em São Bernardo (Foto: Marcos Alves /

Agência O G lobo) Descanso

Lula passou o sábado no hospital onde foi submetido a um procedimento de retirada de um pedaço do tumor, para exame. O domingo do ex-presidente foi de descanso em sua casa, em São Bernardo do Campo (SP), acompanhado de filhos e da mulher, dona Marisa Letícia. Por recomendação médica, Lula tem evitado falar e ficou de repouso.

Mais cedo, a ex-primeira-dama foi até a sacada do apartamento da família e acenou para os jornalistas que se concentram em frente ao prédio. Lula também apareceu na sacada segurando o neto.

Depois de uma visita ao ex-presidente, neste domingo, Kalil afirmou que Lula está “supertranquilo” e ciente do diagnóstico da doença .

“Ele está animado e supertranquilo, transparente. Sabe o que aconteceu, sabe o que foi diagnosticado. Foi bem discutido o tratamento. Ele está com dona Marisa e com os filhos todos. Em nenhum momento percebi que ele está temeroso de nada. Ele é um ser humano e ele está tranquilo”, disse o médico que cuida de Lula há mais de 20 anos.

Agenda

A doença, diagnosticada no último fim de semana, fez Lula suspender a agenda de viagens nacionais e internacionais até janeiro de 2012. Desde que deixou a Presidência da República, Lula tem viajado pelo Brasil e pelo mundo fazendo palestras e em encontros com chefes de estado e personalidades.

Segundo nota divulgada pela assessoria do ex-presidente, a agenda foi revista para que Lula possa se concentrar no tratamento do câncer. A agenda internacional do ex-presidente incluía uma viagem à capital dos Estados Unidos, Washington, no dia 9 de novembro, para receber o Prêmio da ONG norte-americana Africare.

No dia 10 do mesmo mês, Lula tem marcada uma palestra na República Dominicana, de onde seguiria para a Venezuela, para encontro com o presidente Hugo Chávez no dia 11.          

veja também