MENU

Lula diz que discussão sobre o aborto é questão de saúde pública

Lula diz que discussão sobre o aborto é questão de saúde pública

Atualizado: Terça-feira, 16 Dezembro de 2008 as 12

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva defendeu ontem, 15 de dezembro, a discussão do aborto como uma questão de saúde pública. "Não se trata de ser contra ou a favor. Trata-se de discutirmos, com muita franqueza, uma questão de saúde pública", disse Lula, na abertura da 11ª Conferência Nacional dos Direitos Humanos, no Centro de Convenções Ulysses Guimarães, em Brasília.

Lula disse que é contra o aborto. No entanto, assinalou ele, o Brasil não pode ter medo de discutir o assunto. "Se perguntarem para mim, eu sou contra [o aborto], mas quantas madames vão fazer aborto até em outro país e as pobres morrem na periferia?"

O presidente da Câmara, deputado Arlindo Chinaglia (PT-SP), também esteve na abertura da conferência e foi vaiado pela platéia, que gritava "aborto não é crime". As vaias devem-se ao fato de Chinaglia ter criado, no último dia 8, uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar o comércio de substâncias abortivas e a prática de aborto.

Postado por: Claudia Moraes

veja também