MENU

Lula telefona para Chávez e o parabeniza pela vitória no referendo da reeleição ilimitada

Lula telefona para Chávez e o parabeniza pela vitória no referendo da reeleição ilimitada

Atualizado: Quarta-feira, 18 Fevereiro de 2009 as 12

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva telefonou nesta terça-feira, 17 de fevereiro, para felicitar o presidente da Venezuela, Hugo Chávez, pela vitória no referendo do último domingo, 15, em que foi aprovada a reeleição ilimitada a cargos públicos. O líder venezuelano já declarou ser pré-candidato em 2012, quando concorrerá ao terceiro mandato.

De acordo com a Secretaria de Imprensa da Presidência da República, Lula comentou sobre a visita do presidente da Colômbia, Álvaro Uribe, ao Brasil. Na ligação telefônica, Lula disse que Uribe demonstrou respeito por Chávez. O líder venezuelano respondeu que as dificuldades entre os governos da Venezuela e da Colômbia foram superadas e as relações bilaterais caminham bem.

As relações entre os Uribe e Chávez são conturbadas. Em 2007, por exemplo, Uribe desautorizou o  colega venezuelano de mediar a libertação de reféns em poder das Forças Armadas Revolucionárias (Farc). Em visita ao Brasil, o presidente colombiano cumprimentou Chávez pela "vitória democrática" e não descartou a possibilidade de pleitear um terceiro mandato na Colômbia.

No telefonema à Chávez, Lula também defendeu as trocas comerciais entre os países sul-americanos em moedas nacionais, evitando o uso do dólar no momento em que o mundo enfrenta uma crise econômica. Segundo a Presidência da República, Chávez afirmou apoiar a idéia.

Lula já havia tratado do tema durante reunião hoje com Uribe. O Brasil e a Argentina já possuem um sistema para liquidação de dívidas com moedas locais.

veja também