MENU

Mãe é suspeita de matar filha de 7 anos no Ceará

Mãe é suspeita de matar filha de 7 anos

Atualizado: Quarta-feira, 9 Maio de 2012 as 8:39

O delegado da cidade de Maracanaú, noCeará, pediu nesta terça-feira (7) a prisão preventiva da mãe da menina de sete anos encontrada morta em casa nesta segunda-feira. Segundo o delegado, ela é a principal suspeita de matar a própria filha por espancamento. A avó da menina decidiu pedir a guarda da outra neta, de três anos.

A mãe havia informado à polícia que a criança morreu de causas naturais. Um exame inicial da perícia, de acordo com a Polícia Civil, constatou que a menina estava morta há pelo menos 12 horas antes da mãe informar sobre a morte e tinha várias marcas de unhas e hematomas no corpo.

A mãe dividia o quarto com a filha na casa da irmã, onde moravam há dois meses. “A mulher perdeu a filha, é viúva e vivia de favor na casa da irmã. Ela foi extremamente fria”, disse o delegado. A mãe da menina foi levada para a delegacia para prestar esclarecimentos. Outros familiares também prestaram depoimento na segunda-feira.

Segundo Ferreira, a mãe foi “fria, cínica e calculista” durante o depoimento na delegacia, não esboçando qualquer reação pela morte da filha.

Outro motivo que leva a polícia a acreditar em espancamento, conforme o delegado, foi a denúncia. Segundo ele, vizinhos ligaram para o programa de policiamento Ronda do Quarteirão falando da morte da criança. “Os vizinhos estão querendo linchar a mulher. Quando eu a trouxe para a delegacia, evitei um linchamento”, disse.

veja também