Magno Malta encontra-se nos EUA com diretores da Microsoft para discutir termo de ajuste de conduta

Magno Malta encontra-se nos EUA com diretores da Microsoft para discutir termo de ajuste de conduta

Atualizado: Sexta-feira, 27 Março de 2009 as 12

O presidente da Comissão Parlamentar de Inquérito da Pedofilia , senador Magno Malta (PR-ES) encontrou-se na última quarta-feira, dia 25 de março, com a vice-presidente corporativa da Microsoft, Pamela Passman, e com diretores da companhia no Brasil e na América Latina para discutir a assinatura de um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC), a exemplo do que foi firmado com o Google em 2008. A companhia, segundo o senador, está preparada para formalizar o acordo.

Magno Malta participa nesta semana do Fórum para Líderes de Governo - Américas, em Washington (EUA).

O encontro, avaliou o senador, serviu para mostrar o que o Brasil está fazendo para enfrentar a pedofilia na Internet. Ele também disse que propôs aos executivos da Microsoft a criação de um fórum único para combater o abuso de crianças por meio da Internet.

"O mais importante é que a Microsoft está se juntando ao Brasil, de todas as maneiras possíveis, para prevenir a prática de pedofilia pela Internet. É um relacionamento que também queremos ter com o Google", afirmou o senador em entrevista por telefone à Agência Senado. O site de busca firmou um acordo de ajuste de conduta, se comprometendo a adotar políticas de prevenção à pedofilia.

Nesta sexta-feira, dia 27 de março, Magno Malta deverá visitar a sede da Google, na Califórnia. Na próxima segunda-feira, dia 30, o presidente da CPI da Pedofilia terá uma agenda com representantes da área de segurança do governo dos Estados Unidos.

O Fórum para Líderes de Governo - Américas encerrou-se na quinta-feira, dia 26. O evento é promovido pela Microsoft Corporation e este ano tem foco no estímulo à inovação e produtividade nas Américas.

veja também