MENU

Mais de 20 mil pessoas não querem receber ligações de telemarketing no PR

Mais de 20 mil pessoas não querem receber ligações de telemarketing no PR

Atualizado: Quarta-feira, 7 Outubro de 2009 as 12

Mais de 20 mil consumidores do Paraná fizeram cadastro para não receber ligações de telemarketing, até o início desta semana. Segundo o Procon do estado, são mais de 36 mil de linhas telefônicas bloqueadas.

O titular das linhas pode bloquear quantos números tiver, fixos ou móveis. O serviço é feito no site do Procon-PR, pessoalmente ou pelo 0800. Passados 30 dias da inscrição, as empresas de telemarketing não poderão direcionar ligações para esses números.

Se o usuário receber ligações depois desse prazo, deverá registrar pessoalmente sua reclamação no Procon, informando dia e hora, nome do atendente e da empresa prestadora do serviço, para que sejam tomadas as medidas previstas em lei.

Segundo o Procon-PR, não há limite para o número de linhas telefônicas, tanto fixa quanto móvel, que o titular desejar bloquear. Dados da fundação apontam que os números com o código de área 41 lideram a lista, com quase 28 mil linhas bloqueadas.

Mais de 20 mil consumidores do Paraná fizeram cadastro para não receber ligações de telemarketing, até o início desta semana. Segundo o Procon do estado, são mais de 36 mil de linhas telefônicas bloqueadas.

O titular das linhas pode bloquear quantos números tiver, fixos ou móveis. O serviço é feito no site do Procon-PR, pessoalmente ou pelo 0800. Passados 30 dias da inscrição, as empresas de telemarketing não poderão direcionar ligações para esses números.

Se o usuário receber ligações depois desse prazo, deverá registrar pessoalmente sua reclamação no Procon, informando dia e hora, nome do atendente e da empresa prestadora do serviço, para que sejam tomadas as medidas previstas em lei.

Segundo o Procon-PR, não há limite para o número de linhas telefônicas, tanto fixa quanto móvel, que o titular desejar bloquear. Dados da fundação apontam que os números com o código de área 41 lideram a lista, com quase 28 mil linhas bloqueadas.

veja também