Manhã sem chuva facilita trabalho de resgate na Região Serrana do RJ

Manhã sem chuva facilita trabalho de resgate na Região Serrana do RJ

Atualizado: Quinta-feira, 20 Janeiro de 2011 as 8:56

Os trabalhos de resgate de corpos e limpeza das ruas e remoção de escombros recomeçaram na manhã desta quinta-feira (20) sob céu nublado, na Região Serrana do Rio. Isso deve facilitar o trabalho de bombeiros, militares e voluntários nas cidades mais atingidas, como Nova Friburgo, Teresópolis, Petrópolis, Sumidouro, São José do Vale do Rio Preto, Bom Jardim e Areal.

De acordo com a previsão do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), podem ocorrer chuvas em áreas isoladas na região, no final do dia. Desde o fim da tarde de terça-feira (18), não chove naquela área.

Desde o dia 11 de janeiro, quando uma forte chuva caiu na região, já foram encontrados mais de 740 corpos, vítimas da enxurrada que destruiu as cidades. Mais de 20 mil pessoas estão desalojadas ou desabrigadas.

A Força de Segurança Nacional (FNS), que atua em Teresópolis, informa que todas as áreas da cidade já foram contatadas e não há mais regiões isoladas na cidade.

Em Nova Friburgo, a quinta-feira (20), começou com uma névoa na cidade. Em Bom Jardim, cidade que estava isolada por causa da queda de uma ponte, já é possível chegar ao Centro da cidade por uma ponte de madeira improvisada construída por moradores.

Os veículos chegam por uma estrada de terra batida.    

veja também