MENU

Marina abre temporada de convenções dos principais partidos na corrida eleitoral à Presidência

Marina abre temporada de convenções dos principais partidos na corrida eleitoral à Presidência

Atualizado: Quinta-feira, 10 Junho de 2010 as 11:56

Uma maratona de convenções para oficializar candidatos à Presidência tem início nesta quinta-feira (10). O PV dá o pontapé inicial e oficializa Marina Silva ao lado do vice Guilherme Leal, presidente da Natura. PSDB e PT fazem o mesmo. O primeiro escolheu Salvador (BA) para confirmar no sábado o nome do tucano José Serra e o segundo celebra a candidatura da petista Dilma Rousseff no domingo em Brasília. Também no sábado, o PMDB sela a aliança com o PT e oficializa o presidente da Câmara, deputado Michel Temer (SP), como vice da petista.

O evento do PV começa a partir das 10h com transmissão ao vivo no site do partido, mas só depois das 15h é que a candidatura de Marina deve ser oficializada. A festa deve reunir candidatos, aliados e artistas em Brasília. Levantando a bandeira verde, Marina caiu no gosto de descolados, ativistas e vários cantores, como Gilberto Gil, Adriana Calcanhoto e Caetano Veloso. Mas tem o desafio de conquistar maior fatia do eleitorado e ultrapassar a barreira dos 10% nas pesquisas de intenção de voto, ficando em terceiro lugar atrás de Dilma e Serra.

Sábado também promete ser um dia cheio na política com as convenções do PSDB e do PMDB. A escolha de realizar a festa de Serra em Salvador foi estratégica, já que um dos desafios do partido é ganhar espaço no Nordeste, onde o eleitorado é fiel ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva por conta de programas sociais, como o Bolsa Família. É na região que a petista tem maior vantagem sobre o tucano.

Ao contrário dos principais adversários, o PSDB vai lançar Serra sem ter escolhido o vice que vai compor a chapa do partido. Aécio Neves, flertado pelos caciques do partido para aceitar a vaga, recusou a concorrer a uma cadeira no Senado por Minas Gerais. O mineiro deve comparecer ao evento e pode roubar novamente os holofotes da festa, como aconteceu no lançamento da pré-candidatura de Serra.

A festa do PMDB terá a presença de Dilma Rousseff (PT), que vai afagar o peemedebista Temer. Antes, Dilma participará da convenção nacional do PDT, outro aliado do PT, em São Paulo. A semana termina com o lançamento de Dilma à Presidência pelo PT. O encontro deve ter a presença de Lula e vai se transformar numa grande festa para a ex-ministra, escolhida pelo próprio presidente para ser sua sucessora.

veja também