MENU

Marina declara patrimônio de R$ 149 mil ao registrar candidatura

Marina declara patrimônio de R$ 149 mil ao registrar candidatura

Atualizado: Sexta-feira, 2 Julho de 2010 as 7:11

A candidata do PV à Presidência da República, Marina Silva, declarou um patrimônio de R$ 149,2 mil ao fazer o registro de sua candidatura no Tribunal Superior Eleitoral, nesta quinta-feira (1º.). O vice dela, o empresário Guilherme Leal, declarou possuir R$ 1,19 bilhão –8 mil vezes superior ao patrimônio declarado de Marina.

Ela foi a primeira candidata a pedir registro para concorrer à eleição presidencial. O PV prevê um gasto de R$ 90 milhões duranet a campanha.

Em sua declaração, Marina diz ser dona de uma casa em Rio Branco, no Acre, avaliada em R$ 60 mil, e de seis lotes, que juntos somam uma área de 16.197 m² e valem R$ 42.471. A candidata declarou ainda ter R$ 46.782,88 depositados em conta bancária.

Leal, por sua vez, é dono de vários imóveis em áreas nobres da cidade de São Paulo, ações de empresas, entre elas da Natura, da qual se afastou do comando para concorrer nas eleições, veículos, barco, aplicações em fundos de investimentos e contas correntes no Brasil e no exterior. Ele também declarou ter joias e obras de arte em seu patrimônio.

Agora, o processo será distribuído ao ministro Hamilton Carvalhido, que vai analisar os documentos apresentados por Marina e Leal e decidir se libera o registro de candidatura. Entre os documentos apresentados estão certidões criminais comprovando que eles não têm nenhuma condenação na Justiça.

O TSE tem até o dia 5 de agosto para decidir e publicar as decisões sobre todos os pedidos de registro de candidatura recebidos. Caso o pedido seja negado, o TSE tem até 19 de agosto para julgar eventuais recursos. O tribunal  analisa apenas os registros de candidaturas à Presidência. Os pedidos de candidatos aos demais cargos são encaminhados aos Tribunais Regionais Eleitorais.

Marina já havia sido a primeira pré-candidata a realizar convenção para oficializar seu nome à disputa pela Presidência. A convenção do PV foi realizada no dia 10 de junho, em Brasília.

Por Débora Santos

veja também