MENU

Medida da Anatel deve reduzir número de orelhões em SP

Medida da Anatel deve reduzir número de orelhões em SP

Atualizado: Terça-feira, 20 Setembro de 2011 as 2:44

O número de orelhões nas ruas de São Paulo deverá diminuir a partir do ano que vem após uma medida anunciada pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel). Atualmente, a Anatel determina que toda cidade tem que ter seis orelhões a cada mil habitantes. A partir de 2012 a relação passa a ser de quatro aparelhos para cada mil pessoas. São Paulo, que tem mais de 11 milhões de moradores, conta hoje com quase 68 mil orelhões. Depois das mudanças, terá cerca de 45 mil. A medida não agradou a costureira Adacilda Brito da Silva. Ela usa o aparelho público como telefone fixo. Segundo ela, uma das vantagens é o preço. Uma ligação feita do orelhão para o fixo sai em média R$ 0,06 o minuto. A mesma ligação feita de um celular custa R$ 0,36. “Eu marco consulta, ligo pra parente”, diz ela.

Entretanto, no primeiro semestre desse ano a venda dos cartões telefônicos no estado de São Paulo caiu cerca de 45% em relação ao mesmo período do ano passado.

A Telefônica informou que irá estudar de que locais os telefones públicos serão retirados. A companhia quer manter o esquema de um orelhão a cada 300 metros. A diminuição só começa a valer a partir de julho de 2012.

Vandalismo

Um problema constante com os telefones públicos é o vandalismo. Segundo a Telefônica, todos os meses, 25% dos aparelhos são atacados.            

veja também