MENU

Menina dada como desaparecida por 9 meses estava em abrigo em MS

Menina dada como desaparecida por 9 meses estava em abrigo em MS

Atualizado: Terça-feira, 4 Outubro de 2011 as 3:44

Uma menina de seis anos de idade que estava desaparecida havia nove meses foi encontrada em um abrigo público de Ponta Porã, na fronteira do Brasil com o Paraguai. A criança morava em Anastácio, a 311 quilômetros da cidade fronteiriça, e sumiu de casa no dia 22 de dezembro do ano passado. Agora, a Polícia Civil investiga o envolvimento de outras pessoas no desaparecimento.   De acordo com a delegacia em Anastácio, a mãe só registrou boletim de ocorrência sobre o desaparecimento em março. A mulher de 32 anos teria afirmado que demorou para acionar a polícia pois estava procurando a filha por conta própria. À época, a mãe alegou que um casal de andarilhos havia levado a menina de sua casa.

A criança foi levada ao abrigo após ter sido encontrada por policiais no dia 31 de dezembro em uma praça no centro da cidade, na companhia de usuários de drogas. Como não sabia dar informações detalhadas sobre sua origem, ela permaneceu sob cuidados de assistentes sociais.

Na última quinta-feira (29), ao saberem pelo noticiário que a polícia procurava por uma menina, os funcionários do abrigo de Ponta Porã comunicaram o fato à delegacia de Anastácio e confirmaram a identidade da criança.

A Polícia Civil apura se houve participação da mãe no desaparecimento. A mulher, que já teve passagens por furto e porte de drogas para consumo pessoal, foi intimada na quinta-feira (29) mas ainda não compareceu à delegacia. Assistentes sociais e psicólogos devem emitir um parecer sobre a situação familiar da criança, para avaliar se o lar tem condições de acolhê-la novamente. O documento deve ser enviado à vara de infância e adolescência de Ponta Porã.          

veja também