MENU

Menina estava brincando com prima quando foi atingida por bala perdida

Menina estava brincando com prima quando foi atingida por bala perdida

Atualizado: Quinta-feira, 27 Maio de 2010 as 9:01

A menina Ana Paula Gomes, atingida por uma bala perdida durante um confronto entre a polícia e criminosos na Avenida Brasil de seis anos, estava brincando com a prima, a 200 metros de onde ocorreu o tiroteio, quando foi baleada. No tiroteio, um policial militar e três criminosos morreram.

A perseguição da polícia aconteceu após suspeitos atacarem uma cabine de polícia na Avenida Antônio Sebastião de Santana, em Mariópolis, na Zona Oeste do Rio. O policial militar, sargento Ulisses Alves Correia, de 50 anos morreu e soldado Alberto José dos Santos, de 30 anos, foi baleado no pescoço, mas, segundo os médicos, está fora de perigo.

Ana Paula estava na lage de casa. A escola onde ela estuda suspendeu as aulas e a menina ficou em casa, brincando com a prima. As duas estavam andando de bicicleta, quando Ana Paula foi atingida.

De acordo com a Secretaria Estadual de Saúde, Ana Paula foi atingida no braço direito e teve fratura exposta. A menina, que está internada no Hospital Getúlio Vargas, na Penha, passou por cirurgia e está em estado considerado regular.

Entenda o crime

O ataque foi por volta das 11h nesta quarta-feira (26). Testemunhas contaram que criminosos dispararam contra os dois PMS que estavam na cabine. Depois de roubarem as armas, eles fugiram.

Na Avenida Brasil, perto de Parada de Lucas, no subúrbio, os criminosos foram cercados e houve intensa troca de tiros. Um carro foi atingido.

De acordo com o coronel reformado da PM, Mário Lobato de Melo, o tiroteio começou de repente. "Começamos a ouvir tiros e gente se jogando no chão. Os carros parando, outros não", disse o coronel.

A polícia vai investigar de onde partiu o tiro que atingiu Ana Paula.

veja também