MENU

Menos de 24 horas após depredação, três crianças fogem de abrigo

Menos de 24 horas após depredação, três crianças fogem de abrigo

Atualizado: Quarta-feira, 24 Agosto de 2011 as 7:47

Três dos sete jovens apreendidos pela Polícia Militar, na última segunda-feira, após fazerem um arrastão em um hotel vizinho à estação Paraíso do metrô já fugiram dos abrigos para onde foram levados. Antes do acolhimento, o grupo chegou a depredar o Conselho Tutelar da Vila Mariana (zona sul de SP).

Segundo a SMADS (Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social), os cinco jovens que disseram ter menos de 12 anos foram levados a dois abrigos da região. Três deles, porém, fugiram na tarde desta terça-feira.

Outros dois apreendidos pela PM foram identificados pela Fundação Casa como adolescentes e, por isso, estão internados em unidades da instituição. O ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente) prevê que apenas maiores de 12 anos podem responder por ato infracional.     O arrastão no hotel ocorreu por volta das 16h de segunda, quando os sete jovens invadiram o local e tentaram furtar o celular de uma funcionária que estava limpando um dos quartos. Eles foram impedidos por funcionários do local.

Policiais que estavam na região perceberam a movimentação do grupo e fez a apreensão.

O grupo foi inicialmente encaminhado ao 36º DP (Vila Mariana), mas, como as crianças afirmaram ter menos de 12 anos, acabaram encaminhadas ao Conselho Tutelar da região, por volta das 17h.

No prédio havia quatro conselheiras. Informadas de que iriam para abrigos diferentes, as crianças jogaram objetos e documentos no chão, quebrando uma impressora.

Segundo a conselheira Sueli Federighi, 59, as crianças chegaram ao conselho drogadas e continuaram usando drogas no recinto.

"Elas vieram pra cá já drogadas, e continuaram cheirando solvente aqui dentro. Cheguei a ficar chapada. Hoje pela manhã o cheiro [de solvente] ainda era forte aqui no conselho", disse Sueli.

Por volta das 20h30, as conselheiras, os jovens e cerca de 15 policiais militares foram ao 16º DP (Vila Clementino) registrar um boletim de ocorrência por depredação.

O prédio do Conselho Tutelar da Vila Mariana (zona sul de SP) será reaberto na manhã desta quarta-feira (24), após ter sido periciado pelo Instituto de Criminalística.  

veja também