MENU

Moradores da Zona Sul enfrentam problemas com falta d?água

Moradores da Zona Sul enfrentam problemas com falta d?água

Atualizado: Quinta-feira, 14 Outubro de 2010 as 2:33

Os moradores do Jardim Guarujá, região do Jardim Ângela, na Zona Sul de São Paulo, estão enfrentando um problema recorrente: a falta d’água nas torneiras. Os moradores conseguiram, com a ajuda da Defensoria Pública, uma liminar que obriga a Sabesp a mandar um caminhão-pipa para o bairro todo dia para garantir o abastecimento. Mas a solução dada não foi o suficiente.

A falta de água atinge principalmente quem mora nas partes mais altas do bairro. Os mais prejudicados são os moradores da Rua Falcon. Nenhum deles têm água em casa todo dia. O que mais revolta a população é que as contas estão em dia. “O sonho do pessoal é poder tomar banho de chuveiro e fazer as tarefas domésticas sem depender dos baldes”, diz uma das moradoras.

Outro lado

A Sabesp garante que o caminhão-pipa vem todo dia e mostrou comprovantes assinados pelos moradores. A companhia disse que muitas vezes os moradores não estão em casa e informou que, até dezembro, vai ficar pronta uma nova estação elevatória que está sendo construída no Jardim São Luiz, a dez quilômetros do bairro. Segundo a Sabesp, a estação vai resolver definitivamente o problema.

Se a companhia de água não cumprir a determinação da justiça, vai ter que pagar multa de R$ 1 mil por dia e por hidrômetro e no bairro são cerca de 30 hidrômetros.

Reclamação

Quem tiver um problema parecido com o do Jardim Guarujá deve fazer uma reclamação por escrito na Sabesp, no Procon ou na Prefeitura e exigir um protocolo, para depois poder comprovar que fez a queixa.

Se o problema não for resolvido, o morador tem que contratar advogado. Se não tiver dinheiro para isso, pode pedir ajuda da Defensoria Pública, que defende quem ganha menos de três salários por mês. É importante guardar todas as contas de água e os comprovantes de pagamento.    

veja também