MENU

Moradores de Angra, no RJ, pedem paralisação das usinas nucleares

Moradores de Angra, no RJ, pedem paralisação das usinas nucleares

Atualizado: Quarta-feira, 23 Março de 2011 as 8:33

Um grupo de moradores de Angra dos Reis, no Litoral Sul Fluminense, pede pela paralisação das usinas nucleares do município. Eles fizeram um protesto nesta terça-feira (22). O ato também foi em solidariedade às vítimas do Japão, onde um terremoto e uma tsunami devastaram o país no último dia 11.

Os ambientalistas acreditam que esse é o momento para questionar o sistema de segurança de Angra 1 e Angra 2. “O que nós queremos e estamos chamando a atenção com a tragédia no Japão é da necessidade de se fazer uma revisão profunda do plano de emergência e que se paralise o programa nuclear enquanto não se oferecer condições reais de segurança à população”, explicou o ambientalista Rafael Ribeiro.

Os manifestantes seguiram usando máscaras e capa. Eles carregaram velas, coroa de flores e um caixão. Segundo eles, a população não está preparada para reagir no caso de um acidente nuclear.

Empresa afirma que usinas operam com segurança

A Eletronuclear, empresa que administra a energia nuclear no país, afirmou que as usinas de Angra operam com alto grau de segurança e são projetadas pra resistir até a terremotos. Além disso, também segundo a Eletronuclear, existe uma barreira anti-tsunami que protege todo o complexo nuclear.

A empresa disse ainda que tem um plano de emergência de evacuação da área e também quantidade suficiente de pastilhas de iodo em estoque, pra atender a população do entorno da usina. De acordo com a Eletronuclear, esse material ainda não foi distribuído porque falta autorização do Ministério da Saúde, que deve concedê-la em breve.      

veja também