MENU

Moradores do Interior reclamam de demora no atendimento do Samu

Moradores do Interior reclamam de demora no atendimento do Samu

Atualizado: Sexta-feira, 2 Julho de 2010 as 7:59

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) é alvo de queixas de moradores do Interior. A principal reclamação é que o atendimento de chamados de municípios distantes é feito por centrais reguladoras de Porto Alegre.

A coordenadora do Consórcio Intermunicipal de Saúde (Cisa), que administra a ambulância avançada do Samu/Salvar na região de Ijuí, Elizabete Rolim de Jesus, acredita que uma central mais próxima do município, com profissionais que conhecessem o local, facilitaria o trabalho.

– É a queixa mais frequente, o pessoal ter de ligar a Porto Alegre para depois a ambulância ser redirecionada. Os bombeiros acabam sempre chegando primeiro – afirma.

As unidades reguladoras, que recebem as ligações, estão em Bagé, Pelotas, Caxias do Sul e Porto Alegre – que atende não só a Região Metropolitana, mas também municípios do Interior.

O serviço do Samu/Salvar está presente em 137 municípios, mas em breve deverá ser expandido. Com a entrega de 117 ambulâncias, no mês passado, a Secretaria Estadual de Saúde (SES) e o Ministério de Saúde pretendem que cada um dos 107 municípios que receberam as ambulâncias passe a atender outras cidades da sua região.

Entre aqueles que já contam com o atendimento, o custo da manutenção do serviço ainda é questionado. Na região Noroeste, as 13 prefeituras arcam com 50% do valor, que fica em torno de R$ 100 mil por mês. O restante é remetido pela União e pelo Estado.

– Esse é um serviço que funciona muito bem para os municípios maiores, mas para nós é um valor alto a ser pago – diz o presidente do Cisa e prefeito de Pejuçara, Leonir Perlin.

Em breve a Região Sul passará a contar com o Samu/Litoral Sul. A base de Pelotas passará a fazer a regulação de 12 municípios da região. A expectativa da coordenadora do Samu do município, Edi Monteiro, é de que o serviço seja iniciado em dois meses.

veja também