MENU

Moradores do PA fazem protesto e bloqueiam embarcações

Moradores do PA fazem protesto e bloqueiam embarcações

Atualizado: Quinta-feira, 22 Outubro de 2009 as 12

Moradores de comunidades rurais à beira do Rio Arapiuns, no Pará, estão bloqueando embarcações carregadas de madeira. Eles dizem que o produto foi retirado ilegalmente da Floresta Amazônica.

O protesto dura quase uma semana. Pelo menos quatro balsas foram interditadas. Duas estão vazias e as outras, carregadas com madeira, que, segundo os moradores, teria sido extraída ilegalmente.

Os manifestantes vivem em um conjunto de glebas estaduais sob a responsabilidade do Instituto de Terras do Pará. Nos últimos anos, a região, juntamente com outras quatro áreas estaduais vizinhas, vem sendo alvo de debates entre movimentos sociais e o governo sobre a definição formal de repasse de terras públicas. Outra situação que tem resultado em conflitos é o desmatamento desordenado.

O objetivo do protesto é chamar a atenção para o caos fundiário e ambiental que se arrasta há anos na região. Os manifestantes pedem a presença das autoridades para impedir a exploração ilegal e desmatamento dentro da área.

De acordo com os comunitários, a cada semana mais de cinco balsas carregadas de madeira saem pelo rio sem nenhuma fiscalização.

Uma equipe de fiscalização da Secretaria do Meio Ambiente do Pará deve chegar ao local nesta quinta-feira, 22 de outubro, para apurar denúncias.

veja também