MENU

Moradores reclamam de bloqueio de acesso a prainha no ABC

Moradores reclamam de bloqueio de acesso a prainha no ABC

Atualizado: Terça-feira, 20 Dezembro de 2011 as 1:29

O verão começa esta semana e todo mundo quer aproveitar os dias quentes em um lugar gostoso, agradável. No bairro Riacho Grande, em São Bernardo do Campo, no ABC, há uma prainha que costuma ser utilizada pelos moradores, mas um de seus acessos foi bloqueado. 

Para desfrutar da tranquilidade e beleza da prainha, o motorista poderia escolher entre dois caminhos. Um deles é entrar no km 29 da Via Anchieta. O outro é andar um pouco mais e pegar uma estradinha que fica cerca de 200 metros antes do pedágio da via. Entretanto, este caminho, que é o preferido da população, foi bloqueado pela Ecovias.

“Tem que pagar o pedágio, que é um dos mais caros do Brasil, se não for do mundo. São R$ 20,10 para andar dois quilômetros”, explica o advogado Ivar José de Souza.

Depois da construção do Rodoanel ficou mais fácil e mais rápido chegar em Riacho Grande - o que fez o movimento aumentar, assim como o trânsito.

"Teria que reabrir aquele acesso. Paralelo a isso, estamos com os abaixo-assinados que vamos entregar para a prefeitura e para o Governo do Estado. Porque nós temos que ter aqui uma obra importantíssima que é a marginal direita saindo do Riacho Grande até o km 18”, disse o advogado.

Para Oscar Silveira Campos, secretário Municipal de Transporte da cidade, “a solução é a abertura do novo acesso do Riacho Grande, um pouco antes do que existia. Vai ser feito com mais segurança, com uma área de escape muito melhor e muito mais adequado para o pessoal poder usar com segurança.” Aprovado o projeto, a previsão é de que ele fique pronto em abril de 2012.

Outra reivindicação dos moradores é que haja uma via marginal. José Carlos Cassaniga, superintendente da Ecovias, afirma que não será possível fazer a marginal da forma como foi concebida. “Nós fizemos a remodelação do trevo de acesso ao Riacho Grande. Foi uma obra complexa concluída em 2006 e agora estamos concluindo a eliminação de uma restrição lateral que havia num viaduto. Com isso a fluidez desse segmento vai mudar e nós vamos observar juntos.”      

veja também