Morre engenheiro vítima de tentativa de assalto no Rio

Morre engenheiro vítima de tentativa de assalto no Rio

Atualizado: Sexta-feira, 16 Julho de 2010 as 7:23

O engenheiro Manuel Cláudio Pedrosa Cavalieri, de 60 anos, que foi   baleado durante uma tentativa de assalto , no Caju, na Zona Portuária do Rio, morreu no fim da noite desta quinta-feira (15) no Hospital Souza Aguiar, no Centro da cidade. Segundo a Polícia Militar, ele foi atingido na cabeça e no braço, e estava internado em estado grave.

O crime aconteceu por volta das 19h30 desta quinta-feira (15), na Avenida Rio de Janeiro. Segundo o Batalhão de Policiamento de Vias Especiais (BPVE), a vítima teria sido rendida por três criminosos armados no acesso à Ponte Rio-Niterói. Manuel foi surpreendido quando seguia de carro para Niterói, na Região Metropolitana, onde morava.

Ainda segundo as primeiras informações da Polícia Militar, o engenheiro teria sido baleado ao se assustar com a presença dos criminosos. Os suspeitos fugiram em seguida. A vítima foi socorrida por bombeiros do quartel do Caju, e encaminhada para o Hospital Souza Aguiar. O carro da vítima foi levado para a 17ª DP (São Cristóvão), onde o caso foi registrado.A polícia ainda investiga se os mesmos assaltantes teriam assaltado um ônibus que passava pelo local. De acordo com a Polícia Militar, os criminosos teriam rendido o trocador e assaltado seis passageiros.Em seguida, ainda segundo a polícia, o grupo teria mandado o motorista do ônibus seguir até a Favela Parque Alegria, no Caju, onde desembarcou. As vítimas prestaram queixa na 22ª DP (Penha), onde o caso foi registrado. De acordo com os agentes, as câmeras de segurança do ônibus não teriam gravado o crime.

veja também