MENU

Motorista é hostilizado após acidente com vítimas no CE e foge

Motorista é hostilizado após acidente com vítimas no CE e foge

Atualizado: Domingo, 17 Julho de 2011 as 12:08

O motorista que conduzia o ônibus e deixou sete mortos em Tianguá , Região Norte do Ceará, foi hostilizado por familiares das vítimas. De acordo com informações do inspetor Mota, da Polícia Rodoviária Federal (PRF), o motorista, de 51 anos, deu entrada no Hospital de Tianguá com ferimentos leves. Segundo o inspetor, a população “manisfestou revolta” contra o motorista, que abandonou o hospital sem concluir o atendimento, temendo a manifestação das pessoas.

Informações atualizadas da PRF apontam para uma falha no freio como causa do acidente, quando o ônibus descia a Serra da Ibiapaba, e o motorista perdeu o controle do veículo. Ainda de acordo com o inspetor da PRF, esse tipo de falha mecânica é comum no local, por conta do desgaste na pastilha de freio para controlar a descida. O inspetor ressalta que apenas após a perícia a causa do acidente será oficializada.

A PRF informa também que a documentação do veículo estava regulamentada. O veículo tombou no acostamento da BR-222 e não obstruiu o tráfego de veículos, que flui normalmente na via.

O número oficial de passageiros ainda não foi divulgado. Na lista de passageiros consta 45 nomes, mas a polícia suspeita de que crianças eram transportadas no colo dos pais e os nomes não estavam registrados na lista.

De acordo com informações de testemunhas, o Corpo de Bombeiros levou cerca de duas horas e meia para retirar todas as pessoas do interior do veículo, que ficaram presas às ferragens. As sete vítimas morreram na hora. Pelo menos uma pessoa ferida se encontra em estado grave.

O Hospital de Tianguá recebeu 22 pessoas com ferimentos leves e traumas. Segundo informações do hospital, a empresa proprietária do ônibus encaminhou ao município um ônibus para buscar pessoas já recuperadas e acompanhantes.            

veja também