MENU

MT registra o menor volume de cheques compensados desde 2001

MT registra o menor volume de cheques compensados desde 2001

Atualizado: Sábado, 23 Julho de 2011 as 9:38

Mato Grosso registrou, no mês de junho deste ano, o menor volume de cheques compensados dos últimos 10 anos. Foram honrados 881,3 mil documentos no sexto mês deste ano. Em comparação com o mesmo período do ano passado, quando foram compensados 1,013 milhão cheques, resultando em uma redução de 13%. Os dados, divulgados pelo Serasa Experian, apontam que foi registrado aumento de 5% no número de cheques devolvidos, de 36,6 mil para 38,4 mil.

No primeiro semestre de 2011 foram compensados 5,8 milhões de cheques. O volume representa queda de 6,1% em relação ao que foi registrado entre janeiro e junho de 2010, de 6,186 milhões de folhas. A inadimplência com cheque também reduziu 2% no período, de 233,4 mil para 228,8 mil documentos. No ranking nacional, Mato Grosso ocupa a 11ª colocação com maior percentual de cheques devolvidos (3,94%). A liderança ficou com Roraima (11,87%). São Paulo, por sua vez, foi o estado com menor percentual (1,46%).

O vice-presidente da Federação do Comércio de Mato Grosso (Fecomércio-MT), Roberto Peron, ressalta que a tendência é para a redução no uso de cheques. Ele afirma que outras formas de pagamento, com cartões de crédito e crediários são mais eficazes quando a intenção é fidelizar o cliente. Além disso, ele ressalta que os talões estão sendo mais utilizados por pessoas jurídicas. “As empresas continuam usando esse tipo de pagamento. Geralmente usam o cheque para efetuar compras de maior valor”.    

veja também