Mulher do cônsul de Honduras em BH, suspeita de agredir morador de rua

Mulher do cônsul de Honduras em BH, suspeita de agredir morador de rua

Atualizado: Segunda-feira, 12 Dezembro de 2011 as 9:12

A mulher do cônsul de Honduras em Belo Horizonte é suspeita de agredir um morador de rua, na noite deste sábado (10), na capital mineira. De acordo com a Polícia Civil, a mulher usou uma arma para dar coronhadas no homem que estaria há alguns dias no passeio em frente ao prédio onde ela mora. A Polícia Militar (PM) foi chamada e apreendeu a arma, que estaria descarregada.

Ainda segundo a Polícia Civil, por causa do estado emocional alterado, a consulesa foi encaminhada ao Hospital de Pronto-Socorro João XXIII. Já o morador de rua foi socorrido por uma unidade do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

A Polícia Civil disse ao G1 que as apurações do caso serão retomadas nesta segunda-feira (12), já que não houve registro de ocorrência por nenhuma das partes. O Consulado de Honduras em Belo Horizonte disse não saber nada sobre o ocorrido.    

veja também