MENU

Mulher e filho, de 9 anos, são vítimas de sequestro-relâmpago no DF

Mulher e filho, de 9 anos, são vítimas de sequestro-relâmpago no DF

Atualizado: Terça-feira, 27 Setembro de 2011 as 12:16

A polícia prende na noite desta segunda-feira (26) dois bandidos que fizeram mãe e filho, de 9 anos, reféns. De acordo com a polícia, as vítimas foram abordados pelos dois homens armados em um estacionamento de supermercado, em Planaltina, região administrativa a 38 quilômetros de Brasília. A polícia informou que tia de uma das vítimas, que também estava no estabelecimento, viu a ação dos bandidos e chamou a polícia. A PM cercou várias pontos da cidade e da BR-020 e conseguiu prender os criminosos próximo ao Balão do Colorado, sentido Brasília.

Pelos dados da Secretaria de Segurança, o crime de sequestro-relâmpago foi um dos que mais cresceu no Distrito Federal. Foram registrados 280 casos nos seis primeiros meses deste ano. Um aumento de 11,1% em comparação ao mesmo período de 2012.

As cidades que tiveram mais ocorrências de sequestro-relâmpago no DF foram Ceilândia, Gama, Itapoã, Planaltina, Plano Piloto e Samambaia.

Segundo a polícia, uma mudança no comportamento da população pode ajudar a combater o crime. O diretor da delegacia de divisão de repressão a sequestros, Marcelo Portela, alerta que os bandidos abordam as vítimas principalmente à noite, em locais desertos, em estacionamentos de faculdades e de grandes eventos e também nas portas das residências.

“Por isso é importante evitar esses tipos de lugares. E, a partir do momento que a pessoa é vítima de um sequestro-relâmpago, é fundamental que ela não reaja, que tente manter a calma e colabore com o sequestrador para evitar uma reação violenta por parte dele”, explicou o delegado Portela.            

veja também