MENU

Mulheres do MST e da Via Campesina fazem protestos no RS

Mulheres do MST e da Via Campesina fazem protestos no RS

Atualizado: Quarta-feira, 3 Março de 2010 as 12

Mulheres integrantes do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) e da Via Campesina promoveram uma série de protestos no Rio Grande do Sul, nesta quarta-feira (3).

Em Porto Alegre, o grupo ocupou dois andares da delegacia do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Em frente ao prédio, as mulheres fizeram a amamentação simbólica de esqueletos, para protestar contra o uso de agrotóxicos e transgênicos. A Brigada Militar chegou a reforçar a segurança no local.

No município de Esteio, na Região Metropolitana, as mulheres bloquearam por cinco horas a entrada de uma fábrica. Segundo a assessoria do MST, a empresa faz o processamento de alimentos transgênicos. O trânsito na região não foi afetado, de acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF).

Em Palmeira das Missões, cerca de 800 mulheres bloquearam por cerca de duas horas a RS-569 para protestar contra a demora nos processos de reforma agrária. Depois, os participantes seguiram em marcha pelo município.

veja também