MENU

Não basta apenas torcer, tem que enfeitar

Não basta apenas torcer, tem que enfeitar

Atualizado: Segunda-feira, 14 Junho de 2010 as 11:25

A Copa do Mundo contagiou os moradores da Rua Elbe Pospissil, localizada no bairro Juvevê, em Curitiba. Desde a última semana, a rua, que é sem saída e fica próxima ao Asilo São Vicente de Paulo, está toda decorada com bandeirinhas, laços e fitas nas cores verde e amarelo.

A iniciativa de enfeitar a rua, que deve acontecer em outros pontos da cidade durante o Mundial, foi da paisagista Eliane Leichsenring, que vive no local há quarenta anos. Logo na entrada da rua, ela instalou um portal com uma bandeira do Brasil confeccionada com carpete. A estrutura convida os transeuntes a passear pela via e apreciar o restante da decoração.   “Em 1995, comecei a decorar a rua para o Natal. Em 2006, tive pela primeira vez a ideia de fazer uma decoração para a Copa (que aconteceu na Alemanha). Gosto muito de transformar as coisas e deixá-las mais bonitas. Isto me fascina”, afirma.

Para poder realizar a decoração, além de aproveitar materiais já utilizados na última Copa, Eliane pediu auxílio ao vizinhos, que contribuíram com valores de R$ 5,00 e R$ 10,00. Cada casa da rua recebeu uma decoração própria, com fitas e laços.

“Todos os vizinhos com os quais conversei se animaram em ajudar na decoração. As crianças adoraram ver a rua enfeitada e muita gente que passa pela região tem parado para tirar fotos. Estamos todos no clima para torcer pelo Brasil”, diz a paisagista.

O designer Edgar Larstn, que também mora na rua, conta que a decoração fez com que ele se animasse a convidar amigos e familiares para assistir aos jogos da Copa em sua casa. “A decoração deu um clima de Copa do Mundo à rua e fez com que os moradores ficassem com mais vontade de assistir aos jogos”, afirma.

veja também