MENU

Índios deixam canteiro de obras de hidrelétrica em Mato Grosso

Índios deixam canteiro de obras de hidrelétrica em Mato Grosso

Atualizado: Quarta-feira, 28 Julho de 2010 as 7:38

Indígenas deixaram o canteiro de obras da usina hidrelétrica de Dardanelos, em Aripuanã (MG), nesta terça-feira (27). Após reuniões, representantes dos índios, da Fundação Nacional do Índio (Funai), do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN), da empresa responsável pela construção e do governo entraram em acordo. As obras na usina deverão ser retomadas a partir desta quarta-feira (28).

Os índios pediam uma indenização para compensar o impacto ambiental causado pela construção da hidrelétrica. Diversas medidas, que deverão ser tomadas pela empresa responsável pela obra e pelo governo, serão detalhadas em um documento chamado Plano Básico Ambiental.

No documento, que será finalizado pelos responsáveis pela obra nos próximos dias, será estabelecido que deverá haver incentivo do desenvolvimento sustentável das comunidades indígenas. Foi combinado fazer o repatriamento do material arqueológico recolhido e um estudo de viabilidade para apresentação da área sagrada dos povos indígenas. Deverá ser estimulada também a capacitação de professores indígenas.

Reféns

As obras da hidrelétrica de Dardanelos tiveram início há três anos, segundo a Funai. A previsão é de que a hidrelétrica entre em operação em janeiro de 2011. Os indígenas ocuparam o canteiro de obras no domingo (25). Inicialmente, os índios mantinham cerca de 100 trabalhadores reféns.

No início da noite de domingo, os operários foram trocados por cinco funcionários que ocupam posições de liderança na empresa responsável pelas obras. Os últimos cinco reféns foram liberados na noite de segunda-feira (26).

veja também