MENU

No Guarujá, adolescente atropela policial para fugir de abordagem

No Guarujá, adolescente atropela policial para fugir de abordagem

Atualizado: Sexta-feira, 19 Julho de 2013 as 6

crimes no guarujá
Um adolescente, de 15 anos, que pilotava uma moto, atropelou um policial militar que participava de uma operação em Guarujá, no litoral de São Paulo. Apesar do susto, a polícia conseguiu continuar a operação e prendeu um grupo que assaltava comércios na cidade.
 
Segundo o tenente da Polícia Militar Leonardo Fernandes, o policial militar foi atropelado durante uma operação na comunidade da prainha. “O policial deu uma ordem de parada, para abordagem normal, e esse menor se recusou a parar, jogando a moto em cima do policial. O policial caiu no chão e os outros policiais conseguiram deter a moto”, explica o tenente.
A moto que estava com o adolescente tinha sido roubada. O menor foi levado para a delegacia. O policial foi medicado e depois liberado do Pronto Socorro. Durante a operação, os policiais conseguiram recuperar outros quatro carros que tinham sido roubados. “Nosso serviço de inteligência e algumas denúncias anônimas davam conta que nós poderíamos encontrar alguns veículos na comunidade da Prainha, onde foi direcionada a operação”, afirma o tenente da Polícia Militar.
 
Mais cedo, por volta das 18h30, quatro pessoas foram presas em flagrante depois de assaltar uma loja de roupas em Vicente de Carvalho. Uma testemunha anotou a placa do carro dos criminosos e avisou a polícia, que conseguiu prendê-los. Dentro do carro, a polícia encontrou ainda duas caixas embrulhadas com papel de presente e, por dentro, com papel alumínio, o que impede o disparo do alarme na saída dos comércios. Eles levavam ainda jogos de panelas e brinquedos novos que foram levados de outras lojas.
 
A mãe do menor foi à delegacia e saiu com o filho. As duas mulheres serão transferidas agora pela manhã para a cadeia feminina de Santos, e os dois homens, para o primeiro DP de Guarujá.
 

veja também