MENU

No Pará, Lula diz que PT precisa ?dar o troco? no DEM e no PSDB

No Pará, Lula diz que PT precisa ?dar o troco? no DEM e no PSDB

Atualizado: Sexta-feira, 17 Setembro de 2010 as 10:19

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva voltou a criticar o DEM, durante comício na noite desta quinta-feira (16), em Belém, no Pará. Ao lado da governadora e candidata à reeleição Ana Júlia (PT), Lula pediu aos eleitores que ajudem a “dar o troco” no partido.

Na última segunda-feira (13), Lula havia dito, durante comício em Joinville (SC), que era preciso “extirpar” o partido da política brasileira. No mesmo dia, o presidente nacional do DEM, Rodrigo Maia, disse que as declarações de Lula demonstravam "desequilíbrio" do presidente.

“Vocês estão lembrados do que eles me acusavam em 2005. Eles tentaram me derrubar. Chegou a hora de a diarista [a governadora Ana Júlia] dar o troco na elite tucana e no DEM aqui no Pará. Deus queira que ela não abra mão nunca da alma de uma diarista porque esse país nunca será governado só com a inteligência da cabeça, mas será governado com a inteligência do coração”, disse o presidente.

Sem a presença da candidata do PT à Presidência, Lula falou que a oposição dizia que “Dilma não tinha competência”. A presença de Dilma Rousseff no comício chegou a ser anunciada pela direção do PT local. A petista foi ao Rio de Janeiro e, depois, para São Paulo, onde nesta sexta-feira (17) realiza exames no pé, devido a uma torção.

“Eles diziam que a Dilma não tinha traquejo político e eles já viram que ela tem traquejo demais para fazer eles se transformarem em pessoas menores diante dela. Eu não estaria entregando a Presidência da República, o povo brasileiro, a uma pessoa que eu não tenho 100% de confiança. Eu acredito fielmente nela”, afirmou o presidente.

Lula ainda pediu aos eleitores que, nas duas semanas que restam de campanha eleitoral, saiam às ruas para pedir votos aos candidatos do partido. “Queria pedir ao povo do estado do Pará que vai votar na Dilma, ao povo do estado do Pará que dedicou muito amor e carinho a mim todos esses anos, queria pedir que vocês votassem em mim, votassem na Dilma e votassem nesta mulher para ser governadora do Pará”, afirmou.

veja também