MENU

No Rio, Serra diz que relação com Sérgio Cabral é 'muito boa'

No Rio, Serra diz que relação com Sérgio Cabral é 'muito boa'

Atualizado: Quarta-feira, 20 Outubro de 2010 as 7:43

O candidato do PSDB à presidência da República, José Serra, disse nesta terça-feira (19), no Rio de Janeiro, que, se eleito, irá trabalhar "de forma cooperativa com os governadores de todos os partidos". "Tenho uma relação muito boa com o Sérgio Cabral", destacou Serra, após encontro com o deputado federal Fernando Gabeira (PV).

Gabeira disputou o governo do Rio de Janeiro numa aliança com o PSDB local. Ele teve 20,67% dos votos válidos e perdeu para o governador Sérgio Cabral (PMDB), que foi reeleito com 66,08% dos votos.

Cabral é aliado do governo Lula e apoia a candidatura da petista Dilma Rousseff à presidência da República. Na segunda, o deputado do PV anunciou apoio à candidatura de Serra.

O tucano afirmou ainda que, se eleito, irá investir nas áreas de saneamento básico e saúde do estado e lembrou a proximidade de eventos como a Copa do Mundo e as Olimpíadas. "O Rio vai ganhar muito na área social e de infraestrutura", prometeu.

Sobre o apoio de Gabeira, Serra disse que é uma "aliança pela sustentabilidade do desenvolvimento".

Jornal e revista da CUT

Serra também comentou a decisão do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) que determinou à Central Única dos Trabalhadores (CUT) o cancelamento da distribuição da edição de setembro do Jornal da CUT, da “Revista do Brasil” e a divulgação desses conteúdos no site da entidade por ver "mensagens de conteúdo aparentemente eleitoral" nas publicações.

“É o cotidiano do trabalho do PT manipular as entidades sindicais, que recebem dinheiro público”, disse o tucano.

Em nota divulgada nesta terça no site da entidade, o presidente da CUT, Artur Henrique, disse que a ação no TSE é “uma demonstração de que os tucanos têm sérias dificuldades de conviver com a democracia". O G1 procurou o presidente do PT, José Eduardo Dutra, e aguarda resposta.

  Alícia Uchôa Do G1, no Rio

veja também