Número de vítimas de bala perdida no Rio cai 26% no primeiro trimestre do ano

Número de vítimas de bala perdida no Rio cai 26% no primeiro trimestre do ano

Atualizado: Quinta-feira, 6 Agosto de 2009 as 12

O número de pessoas atingidas por balas perdidas no Rio de Janeiro caiu 26,7% no primeiro trimestre deste ano, em comparação a igual perído do ano passado. Relatório divulgado nesta quarta-feira, 5/08, pelo Instituto de Segurança Pública (ISP) indica que 55 pessoas foram vítimas de bala perdida, 20 a menos do que em igual período de 2008. Do total de pessoas atingidas por balas perdidas este ano, três morreram.

Em 2008, das 75 pessoas atingidas por balas perdidas nos primeiros três meses, oito morreram. O estudo procurou analisar algumas características das vítimas como, por exemplo, sexo e idade, bem como identificar o local do fato e observar se há menção a algum acontecimento fora da rotina do local, como ações policiais ou de criminosos.

O ISP esclareceu que o relatório não formou conceito jurídico ou sociológico sobre o termo ''bala perdida'', sendo produzido diante do que foi convencionado pelo senso comum. Desta forma, o relatório entendeu como ''vítimas de bala perdida'' pessoas que não tinham nenhuma participação ou influência sobre o evento no qual houve disparo de arma de fogo, mas que foram atingidas.

veja também