MENU

Operação Carro-Pipa leva água potável a 543 municípios que sofrem com a seca

Operação Carro-Pipa leva água potável a 543 municípios que sofrem com a seca

Atualizado: Quarta-feira, 28 Janeiro de 2009 as 12

A seca afeta mais de 500 municípios em dez estados, grande parte na região do semi-árido brasileiro, informou ontem, 27 de janeiro, a Secretaria Nacional de Defesa Civil (Sedec). Por isso, o Ministério da Integração Nacional e o Exército desenvolvem, desde 2006, a Operação Carro-Pipa, que tem o objetivo de levar água potável aos locais afetados pela estiagem.

Segundo o Exército, a operação já beneficiou neste ano 543 municípios que estão em situação de emergência por causa da seca prolongada. Na Bahia, 107 municípios precisam da ajuda da operação; na Paraíba, 88; em Alagoas, 33; no Ceará, 72; em Pernambuco, 69; no Piauí, 72; no Rio Grande do Norte, 39; em Sergipe, 10; em Minas Gerais, 41; e em Tocantins, 12.

De acordo com a Defesa Civil do Ceará, a seca já dura três meses e afeta mais de 400 mil pessoas no estado. Dos 184 municípios cearenses, 72 estão sendo atendidos pela operação. Há 368 carros-pipa operando nas cidades.

A chefe do Centro Nacional de Gerenciamento de Riscos e Desastres, Maria Cristina Lourenço, informou que o Ministério da Integração Nacional, por meio da Sedec, liberou R$ 144 milhões ao programa emergencial de distribuição de água nos municípios atingidos pela estiagem no Nordeste.

"A solicitação dos carros-pipa ao Ministério da Integração Nacional é feita pelas coordenadorias de Defesa Civil estaduais. Depois essas solicitações são repassadas ao Exército, que executa a operação. Mas só atendemos os municípios que estão com os mandados de situação de emergência vigentes pela seca", disse.

O Exército informou que 550 militares atuam nas atividades de administração e fiscalização da distribuição de água potável. Além disso, o atendimento é feito prioritariamente nas áreas rurais dos municípios afetados.

veja também