Pai de Eliza volta a pedir guarda provisória do neto na Justiça do PR

Pai de Eliza volta a pedir guarda provisória do neto na Justiça do PR

Atualizado: Terça-feira, 20 Julho de 2010 as 4:27

O advogado Sérgio Barros da Silva, que representa Luiz Carlos Samudio, pai de Eliza, protocolou nesta segunda-feira (19) um agravo de instrumento pedindo que a guarda provisória do filho de Eliza, de 5 meses , volte para o avô materno. O documento será analisado pelo juiz Guilherme Cubas, da Vara da Família de Foz do Iguaçu (PR). O magistrado tinha concedido, em 8 de julho, liminar para que Sonia Fátima Moura, mãe da modelo, ficasse com a criança. Menos de dez dias do começo da investigação do desaparecimento de Eliza Samudio, o bebê ficou em poder do avô, em Foz do Iguaçu. Em seguida, a criança foi levada por Sonia para Mato Grosso do Sul. "Ela nunca se preocupou com a filha. Agora vai se preocupar com o neto?", disse Luiz Carlos Samudio.

Silva informou que apresentou uma série de argumentações para justificar o novo pedido. "Sabemos que Sonia já abandonou Eliza quando ela era criança. Se fez isso uma vez, que garantia teremos que não voltará a abandonar uma criança? Outra coisa, ela trabalha como vendedora de pimenta e artesanato, me parece que não tem trabalho fixo. Meu cliente tem melhores condições de cuidar da criança." O advogado disse ainda que não consegue imaginar o carinho que Sonia diz ter pelo neto. "Está claro que ela quer saber mesmo de uma provável indenização por parte de Bruno, se for confirmada a paternidade dele. Ela só quer saber de receber uma pensão alimentícia do jogador. Nem sabemos se ele é mesmo o pai da criança, nem se terá patrimônio suficiente para garantir um pagamento de pensão até o fim do processo", afirmou Silva.

A advogada Maria Lucia Borges Gomes, que representa Sonia, disse que a avó do menino está dedicando tempo integral para cuidar do filho de Eliza. "Ela não está acompanhando o noticiário pela imprensa. Ela está ciente do que está acontecendo, mas quer se dedicar totalmente ao neto neste momento difícil. Ela ainda está muito abalada com o desaparecimento da filha."

Sonia deve entrar com pedido de pensão alimentícia para o filho de Eliza.

Testemunha ficou com bebê

Nesta segunda-feira, a polícia ouviu o depoimento de Taiara Julia, 20 anos. Ela se apresentou como mulher de Cleiton da Silva, amigo de Bruno. A jovem esteve com o filho de Eliza, no final de junho.

Ela disse que o filho de Eliza foi entregue por Wemerson Marques, o Coxinha, que aparece nas investigações. Ela receberia R$ 50 para ficar algumas horas com o bebê e que depois a deixou com uma mulher chamada Geiza.

Em 25 de junho, Dayanne de Souza, foi detida por subtração de incapaz. O jogador Bruno, em vídeo divulgado pelo Fantástico , disse que chamou a mulher para ajudá-lo com a criança após saber que Eliza estava desaparecida. Fernanda Gomes de Castro , suposta amante do goleiro Bruno, deve se apresentar espontaneamente à polícia de Minas Gerais, por volta das 15h desta terça-feira (20). De acordo com delegado que preside o inquérito, Edson Moreira, não há pedido formal para que ela preste depoimento, mas o advogado optou por levá-la até o Departamento de Investigações (DI) de Belo Horizonte.

Fernanda teria ajudado a cuidar do bebê de Eliza, em Minas Gerais.

veja também