MENU

Pais de crianças abandonadas em MT alegam que saíram às compras

Pais de crianças abandonadas em MT alegam que saíram às compras

Atualizado: Quarta-feira, 21 Setembro de 2011 as 4:26

Mãe e pai das meninas foram ao Conselho Tutelar

nesta quarta-feira (21) (Foto: Reprodução/ TVCA)

  Os pais das duas meninas, uma de dois anos e outra de 10 meses, que foram encontradas sozinhas em uma residência no bairro São Simão, em Várzea Grande, na região metropolitana de Cuiabá, compareceram ao Conselho Tutelar do município nesta quarta-feira (21). Eles alegaram que tinham saído para comprar lençóis e iriam deixar as crianças trancadas por um curto período.     A conselheira tutelar Adriana Cândida Batista Prazer, que recolheu as crianças na noite desta terça-feira (20) após denúncia dos vizinhos, informou que as meninas vão permanecer abrigadas no Conselho até que a Justiça decida sobre a guarda delas. Os pais prestam depoimento à delegada Juliana Palhares, da Delegacia Especializada da Defesa da Mulher, da Criança e do Idoso de Várzea Grande, nesta tarde.

Quanto aos hematomas nas costas da menina de dois anos, o pai, que trabalha como promotor de vendas, disse que ao bater em um gato com um cinto acabou acertando a filha acidentalmente. A mãe de 23 anos, segundo a conselheira, é dona de casa.

 As crianças foram encontradas pela Polícia Militar em situação de abandono. Conforme o boletim de ocorrência, elas estavam em um berço coberto com um mosquiteiro de pano e tinham muita sede e fome. Os vizinhos informaram que é comum os pais deixarem as filhas sozinhas em casa. De acordo com a delegada Daniela Maidel, informou que os pais serão indiciados por abandono de incapaz, cuja pena varia de seis meses a três anos de detenção. "De forma alguma crianças podem ser deixadas sozinhas em casa, até mesmo por acidentes domésticos e algumas crianças acabam ingerindo produtos químicos", disse a delegada, que vai conduzir as investigações.          

veja também