MENU

'Parece que ele volta', diz avó de bebê nascido a partir de sêmen

'Parece que ele volta', diz avó de bebê nascido a partir de sêmen

Atualizado: Quarta-feira, 22 Junho de 2011 as 4:37

Lourdes e o filho Roberto, em foto de

fevereiro de 2008. (Foto: Álbum de família)

  “Ai. Como é parecida com o Beto”, disse o avô José Egídio Niels, ao ver a neta pela primeira vez, pela televisão, na manhã desta quarta-feira (22). O trabalho dele, cobrador de ônibus, não permitiu uma visita ao hospital, mas o encontro está marcado para o próximo fim de semana. A menina nasceu graças a uma inseminação artificial feita a partir do sêmen congelado do filho dele morto no ano passado.

A gravidez foi possível graças a uma decisão inédita da justiça , porque não havia autorização por escrito.

A mãe de Roberto, Maria de Lourdes Niels, 64, falou com o G1 , apesar do resfriado que a deixou de cama desde segunda-feira (20), logo depois de conhecer a neta. “Não tem palavras. É a tristeza de um lado e a alegria do outro. A gente nem sabe como falar. (...) Ainda mais que ela é parecida com ele”.

“Ele era o caçula de quatro filhos. A gente nunca espera uma doença, né [como o câncer que matou Roberto]? Não aceitei que ele já se foi, e ainda bem no dia do meu aniversário. (...) Mas, o que eu tenho pensado, é que, com a chegada da menina, parece que ele volta um pouquinho. Essa neta vai ajudar a matar a minha saudade”. A recém-nascida é a terceira neta, de um total de sete netos.

A cunhada Mara dá presente vascaíno a Roberto

no último Natal dele. (Foto: Álbum de família)

  Lourdes é dona de casa e veio de Santa Catarina para Curitiba há “mais ou menos 40 anos”. Teve os três primeiros filhos catarinenses na região de São João Batista. Roberto foi o único nascido em Curitiba. “Mas não virou torcedor do Coritiba”, conta a mãe, reforçada pela lembrança da nora, Mara Niels: “Ele torcia para o Vasco”.

Quanto à chegada da sobrinha, Mara considera que “a Robertinha vai trazer alegria para todos nós. Ela está sendo muito amada e sempre será. (...) Estamos felizes com a chegada dela, apesar da saudade que temos do Beto”.          

veja também