MENU

Peritos fazem vistoria em depósito de tambores irregular em SP

Peritos fazem vistoria em depósito de tambores irregular em SP

Atualizado: Quarta-feira, 23 Março de 2011 as 8:17

A Cetesb colheu amostras dos produtos químicos em tambores com resíduos químicos localizados na terça-feira (22) na região da Serra da Cantareira, na Zona Norte de São Paulo, para elaborar um laudo que vai dizer se o material é tóxico ou não. Os peritos do Instituto de Criminalística voltarão ao local nesta quarta-feira (23) para constatar se o solo está contaminado.

A área onde cerca de 800 tambores eram armazenados é de proteção permanente. O depósito não tem licença ambiental.

No depósito clandestino, os guardas ambientais encontraram uma pilha de embalagens. No rótulo de algumas, havia recomendações claras de que elas deveriam ser descartadas.     Segundo a Guarda Civil Ambiental, os donos do depósito compravam os tambores como sucata e revendiam para empresas de reciclagem. “A embalagem deve ser destruída e não pode ser reutilizada. Geralmente, a destinação fica por conta do proprietário e não estava sendo feita da forma adequada”, disse o guarda ambiental William da Silva Bento.

Os produtos tóxicos armazenados nos tambores podem ter contaminado o terreno. Já foram encontrados no local resíduos de resina, óleo e pesticida.

Os dois proprietários e um funcionário do depósito foram levados para a delegacia, mas vão responder em liberdade. A multa para esse tipo de crime varia de R$ 10 mil a R$ 100 mil, mas pode ser ainda maior, pois a área é de preservação ambiental.      

veja também