MENU

PM é preso por morte de comerciante em Jundiaí, SP

PM é preso por morte de comerciante em Jundiaí, SP

Atualizado: Terça-feira, 30 Agosto de 2011 as 8:22

Um policial militar está preso em Jundiaí, no interior de São Paulo, por suspeita de ter participado do assassinato de um comerciante no centro da cidade em julho. Ele teria fornecido a arma ao irmão, que cometeu o crime. O policial cumpre prisão temporária de 30 dias. De acordo com a investigação, além de fornecer a arma, ele dava cobertura ao irmão.

O crime foi registrado por uma câmera de segurança. O criminoso aparece de capacete e atira duas vezes contra o comerciante Ronaldo de Oliveira, que levava quase R$ 17 mil em uma sacola. A vítima morreu no assalto. O irmão dele ficou ferido - foi ele que reconheceu a foto do atirador, que está foragido.

Para chegar ao policial, os investigadores rastrearam um cheque que estava na sacola roubada. “Ele alegou para a esposa que teria achado esse cheque, e no mesmo dia o cheque foi depositado”, afirmou o delegado Sidney Alonso.

De acordo com a polícia, um terceiro homem que ainda não foi identificado teve participação no crime. Ele foi o responsável por levantar a rotina das vítimas e repassar as informações aos dois irmãos.          

veja também