Polícia investiga de onde partiu bala perdida que atingiu mulher em Niterói

Polícia investiga de onde partiu bala perdida que atingiu mulher em Niterói

Atualizado: Terça-feira, 11 Janeiro de 2011 as 1:12

A polícia investiga de onde partiu a bala perdida que atingiu uma mulher, de 49 anos, durante um confronto entre policiais militares e um suspeito que estaria praticando roubos na Rua Andrade Neves, no bairro São Domingos, em Niterói, Região Metropolitana do Rio, no fim da tarde de segunda-feira (10). A informação é da Polícia Militar.

Ana Maria Correa foi atendida no Hospital estadual Azevedo Lima, também em Niterói, mas já foi liberada. De acordo com a Secretaria estadual de Saúde, o diretor do hospital, José Luiz Medeiros, informou que Ana Maria não teve nenhum órgão perfurado. Ele também esclareceu que a bala fez um percurso subcutâneo no abdômen e permanece alojada na pele da paciente. Mas, segundo ele, não será necessária a realização uma cirurgia para retirar a bala. O diretor ressaltou também que a permanência da bala no corpo de Ana Maria “não oferece nenhum risco à saúde da paciente”.

O suspeito, conhecido como “Lequinho Capeta”, de 22 anos, também foi atingido. Segundo a PM, ele foi preso. Ele permanece internado no Hospital Azevedo Lima, onde está sob custódia da polícia. Segundo a secretaria de Sáude, o suspeito teve fratura de clavícula e seu em estado de saúde é estável.

De acordo com a PM, o confronto começou quando policiais faziam patrulhamento de rotina na região. Ao perceber a aproximação da polícia, o suspeito teria disparado contra os agentes. Ana Maria, que passava pelo local no momento da troca de tiros, foi atingida por uma bala perdida.

A PM apreendeu uma pistola com 12 cartuchos. A ocorrência foi feita na 78ª DP (Fonseca).    

veja também