MENU

Polícia investiga morte de homem em casa incendiada no litoral de SP

Polícia investiga morte de homem em casa incendiada no litoral de SP

Atualizado: Quinta-feira, 1 Setembro de 2011 as 4

Um homem morreu asfixiado na manhã desta quinta-feira (1º) em Caraguatatuba, no Litoral Norte de São Paulo, durante um incêndio em uma casa. Segundo a polícia, a suspeita é que ele tenha sido trancado no banheiro da residência por outras duas pessoas antes de o fogo se espalhar. Ele trabalhava como pedreiro no local, no Jardim Aruã, com mais dois colegas, que são suspeitos pelo crime.

A casa é de veraneio e estava em reforma há cerca de um mês. O dono do imóvel contratou os profissionais em São Paulo. Eles moravam no local enquanto faziam o serviço.

O delegado esteve na casa nesta quinta para apurar os fatos. Ele procura pelos dois pedreiros que trabalhavam no local. "Até então a única informação que temos é que três funcionários trabalhavam na casa. Então eles são suspeitos, sim", diz o delegado Maurício Ahvener.

Homem pediu socorro

Os vizinhos contaram à polícia que ouviram discussões durante toda madrugada. Por volta das 5h, o pedreiro gritou por socorro. Enquanto a polícia e os bombeiros estavam a caminho, alguns moradores entraram na casa em chamas para tentar salvar a vitima, mas não conseguiram.

"Nós pegamos ferramentas, cortamos as grades, tentando salvar, mas houve uma explosão e tivemos que abandonar o local, porque não tínhamos condições de salvá-lo", conta o aposentado José Luiz Chaplin.          

veja também