MENU

Polícia prende traficante suspeito de 'batizar' droga com inseticida

Polícia prende traficante suspeito de 'batizar' droga com inseticida

Atualizado: Sexta-feira, 19 Agosto de 2011 as 11:02

Polícia apura se droga apreendida era misturada com inseticida em São Paulo (Reprodução/Polícia Civil)    

Após um mês de investigações, a Polícia Civil em São Paulo prendeu um homem suspeito de traficar drogas misturadas com inseticida em pó na Zona Sul da capital paulista. De acordo com o 35º Distrito Policial, no Jabaquara, que realizou a prisão em flagrante do egresso do sistema prisional na tarde de quinta-feira (18), a cocaína apreendida com o suspeito estaria sendo ‘batizada’ com o produto Imidrose - Imidacloprid 70 WP, veneno de origem agrícola, utilizado para combater pragas da lavoura. O suspeito não estava armado e nem esboçou reação.

“Na cocaína se tritura todo tipo de produto, como talco, por exemplo, para dar volume. É misturada sempre em determinadas quantidades para aumentar o lucro. Nesse caso, desconfiamos que ele possa ter misturado inseticida à droga”, disse o delegado titular do 35º DP, Genésio Leo Júnior.     Segundo Leo Júnior, o homem preso havia cumprido pena por roubo nos últimos dois anos. “Dessa vez, ele voltou a praticar crimes, traficando drogas”, afirmou o delegado. “Ele usava um apartamento no Morumbi [também na Zona Sul] para ‘batizar’ a cocaína e revendê-la em favelas do Jabaquara”.

Quando foi detido, o suspeito escondia seis sacos plásticos transparentes com cocaína dentro de seu carro. No prédio foram encontrados mais 170 quilos da mesma droga e um saco plástico do inseticida. Após negar qualquer envolvimento com as drogas, o preso teria confessado ser traficante.

A perícia da Polícia Técnico Científica irá analisar agora se a droga era mesmo misturada com o veneno. O resultado do teste deve ser dentro de um mês. Outros 133 quilos de 'insumo' também serão periciados. "O 'insumo' é usado para ajudar a compor, produzir a droga", disse o delegado.            

veja também