MENU

Polícia quer acesso on-line a câmera de prédio particular de SP

Polícia quer acesso on-line a câmera de prédio particular de SP

Atualizado: Domingo, 28 Agosto de 2011 as 9:24

A Polícia Militar de São Paulo prepara ampla expansão da vigilância eletrônica, que inclui acesso on-line a câmeras privadas de prédios comerciais e residenciais, desde que haja autorização. A medida visa combater casos de furtos e roubos. A informação é da reportagem de José Benedito da Silva publicada na edição deste sábado da Folha . A reportagem completa está disponível para assinantes do jornal e do UOL (empresa controlada pelo Grupo Folha, que edita a Folha ).

Segundo o comandante da PM, o coronel Álvaro Camilo, o acesso terá de ser autorizado por meio de um cadastro prévio, e a adesão será voluntária. Embora a prioridade sejam as câmeras voltadas para a rua é possível acessar também as internas, como em prédios residenciais.

A PM também irá ampliar o total de câmeras próprias na cidade de São Paulo --270 na capital. A ideia é chegar a 3.000 em três anos. Outra frente é fazer acordos com a prefeitura, que tem cerca de 3.000.

Já há um convênio do final de 2010 com a Guarda Civil Metropolitana (200 aparelhos). Outro está sendo feito com a Companhia de Engenharia de Tráfego (300).

  Editoria de Arte/Folhapress      

veja também