MENU

Policiais recebem prêmio por crimes solucionados em SP

Policiais recebem prêmio por crimes solucionados em SP

Atualizado: Quarta-feira, 23 Novembro de 2011 as 2:04

Policiais civis e militares foram homenageados na manhã desta quarta-feira (23), no Centro de São Paulo , pelo governo do estado e pelo Instituto São Paulo Contra a Violência, que coordena o serviço do Disque-Denúncia estadual. O prêmio foi entregue aos policiais que se destacaram resolvendo casos denunciados pela população. O serviço, criado há 11 anos no estado, recebe cerca de 500 ligações por dia, com dicas importantes para a polícia combater crimes.

O Disque-Denúncia funciona 24 horas por dia, todos os dias da semana, e recebe informações sobre todo tipo de crime no estado. Os atendentes registram todos os dados no computador. O sigilo é absoluto.

Não é necessário dar nome, telefone ou endereço para registrar a denúncia. “Nós não temos identificador de chamadas e não gravamos as conversas”, afirma Mário Vendrell, gerente de projetos do instituto.

A informação, muitas vezes, é a pista que faltava à policia. As denúncias mais comuns são sobre tráfico de drogas, jogos de azar, maus-tratos a crianças e casos de violência contra a mulher.

Desde 2000, foram 198 sequestros solucionados, 28 mil prisões em flagrante e mais de 4 mil foragidos da justiça recapturados. “O cidadão, ao fazer a denúncia, está exercendo a sua cidadania. É um direito que ele tem, e também ajuda a contribuir para a diminuição da sensação de insegurança e da violência em toda a nossa sociedade”, diz Vendrell.

Depois que as denúncias passam pela central de atendimento, cabe às polícias Civil e Militar investigar caso a caso. Para o trabalho dar certo, o importante são detalhes que ajudem nas investigações.

Em todo o estado de São Paulo, o 5º batalhão da PM é o que mais conseguiu descobrir crimes que chegaram pelo Disque-Denúncia nesses 11 anos. Os casos são repassados para policiais que espalham o número do Disque-Denúncia por todos os bairros da Zona Norte da cidade, e cada um fica responsável por uma investigação.

Os funcionários do atendimento do disque-denúncia passam por um treinamento para receber as ligações. O telefone do Disque-Denúncia no estado é 181.

veja também