MENU

Por falta de água, presos fazem rebelião em delegacia superlotada

Por falta de água, presos fazem rebelião em delegacia superlotada

Atualizado: Quarta-feira, 30 Novembro de 2011 as 8:51

Cerca de 170 presos da delegacia de Cianorte, norte do Paraná, iniciaram uma rebelião na noite de terça-feira (29). Das 23h até as 4h desta quarta (30), eles colocaram fogo em colchões e destruíram diversas celas. O motivo da revolta, segundo a polícia, foi a falta de água que atingiu o bairro onde fica a delegacia.

"Começou por falta de água, mas faltou em todo o bairro e eles foram avisados várias vezes. Eles não têm consciência, quebraram tudo", reclamou ao G1 um funcionário da delegacia. Para conter a rebelião, 80 policiais de Umuarama, Maringá e outras cidades vizinhas foram chamados. Três presos ficaram feridos na confusão, e foram encaminhados para a Santa Casa de Cianorte. O problema, de acordo com os policiais, foi intoxicação por fumaça.

A carceragem da delegacia está superlotada. Os 170 detentos ocupam um espaço que deveria abrigar apenas 40 pessoas. Depois da destruição, parte da carceragem foi interditada e todos os presos foram levados para uma das alas da cadeia.

Uma reunião ainda na manhã desta quarta-feira deve definir se haverá transferência de presos, e serão avaliados os estragos e reformas necessárias.

veja também