MENU

Por nota, empresa lamenta acidente que deixou 14 feridos na Paraíba

Por nota, empresa lamenta acidente que deixou 14 feridos na Paraíba

Atualizado: Quarta-feira, 21 Setembro de 2011 as 1

Motorista do ônibus ficou preso nas ferragens

depois do acidente (Foto: Walter Paparazzo/G1)

  A empresa Expresso Guanabara enviou uma nota nesta quarta-feira (21) lamentando o acidente de trânsito ocorrido na terça-feira (20) no município de Mataraca, Litoral Norte da Paraíba. O motorista do ônibus morreu e cerca de 14 passageiros ficaram feridos. O veículo da empresa bateu em um caminhão carregado com 30 toneladas de cimento.

De acordo com a Polícia Rodoviária da Paraíba, o acidente aconteceu na BR-101, quando o ônibus da empresa fazia o trajeto Recife (PE) - Fortaleza (CE). Segundo a nota enviada pela Guanabara, 27 passageiros estavam no ônibus e dos 14 feridos, dois estão em observação em um hospital de João Pessoa.

A empresa afirmou que está prestando assistência à família do motorista do ônibus, Luiz Inácio Oliveira de Sales, que trabalhava há cinco anos na empresa Expresso Guanabara.   Segundo a nota, Luiz Inácio teria tido um período de 24 horas de descanso antes de iniciar a viagem. A empresa disponibilizou o número 0800.728.1992 para prestar informações às famílias dos passageiros. A ligação é gratuita.

A PRF não soube precisar a causa do acidente. Acredita-se que o motorista do ônibus tenha sofrido um mal súbito ou cochilado, uma vez que o acidente ocorreu em uma subida e, no local, não foram encontradas marcas de frenagem e nem indícios de manobras de desvio para evitar a colisão.

O acidente aconteceu por volta das 12h, quando os veículos viajavam no sentido Paraíba-Rio Grande do Norte

veja também