MENU

Prefeito cassado obtém liminar no TSE mas renuncia ao cargo em MT

Prefeito cassado obtém liminar no TSE mas renuncia ao cargo em MT

Atualizado: Quarta-feira, 31 Agosto de 2011 as 10:23

O prefeito de Pedra Preta, a 243 quilômetros de Cuiabá, Augustinho de Freitas (PR), decidiu renunciar ao cargo, embora estivesse amparado por uma liminar concedida pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). O documento foi protocolado junto à Mesa Diretora da Câmara de Vereadores nesta terça-feira (30).   Freitas teve o mandato cassado pelo Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso (TRE-MT) por supostos gastos irregulares na campanha de 2008, quando se reelegeu prefeito. Ele não conseguiu comprovar algumas despesas efetuadas na eleição e informou que apesar de ter revertido a decisão no TSE achou melhor renunciar.

Em substituição ao republicano, o vice-prefeito Marcionildo Cortes Souza, do mesmo partido, assumirá o comando do Poder Executivo. A posse está marcada para as 10h desta quarta-feira (31).    

veja também