MENU

Prefeito diz que Rio superará meta do COI para quartos de hotéis

Prefeito diz que Rio superará meta do COI para quartos de hotéis

Atualizado: Terça-feira, 23 Agosto de 2011 as 1:09

O prefeito Eduardo Paes anuncia o aumento da

capacidade da rede hoteleira

(Foto: Lilian Quaino/G1)

  Com 26 mil quartos em hotéis na cidade, sem contar vagas em albergues e motéis, o prefeito Eduardo Paes disse na manhã desta terça-feira (23) que o Rio vai superar com folga a meta do Comitê Olímpico Internacional para a rede hoteleira da cidade, que vai sediar os Jogos Olímpicos de 2016.

Segundo o prefeito, até 2013 o Rio terá em torno de 30 mil quartos em hotéis, enquanto a meta do COI para a cidade é de 28 mil quartos em 2016.

O secretário de Turismo, Antônio Pedro Figuera de Melo, disse que há projetos hoteleiros nas áreas que mais crescem na cidade, como Barra da Tijuca e Recreio, na Zona Oeste, e no Centro, principalmente na Zona Portuária, que será revitalizada com o projeto Porto Maravilha.

Hotel Bragança

O secretário ressaltou ainda a importânca da recuperação de antigos hotéis como o Hotel Bragança, na Lapa, ao lado Sala Cecília Meireles. Segundo a prefeitura, o prédio, histórico, era o local onde se hospedavam os senadores da República.

"O prédio estava abandonado, invadido. Vamos recuperar", disse o secretário.

Segundo o prefeito Eduardo Paes, o calendário de eventos do Rio pede uma rede hoteleira à altura.

"Hoje não há no mundo cidade que sedie tantos eventos tão grandes", disse ele, referindo-se ao Rock in Rio, este ano, à Jornada da Juventude Católica, em 2013, à Copa, em 2014, à festa dos 450 anos da cidade, em 2015, e os Jogos Olímpicos, em 2016.

40 mil novos empregos

O presidente da Associação Brasileira da Indústria Hoteleira, Alfredo Lopes, estima que os novos empreendimentos criarão 40 mil novos empregos, diretos e indiretos.

"A qualificação da mão de obra é um desafio. Na África do Sul, na Copa, por exemplo, não havia táxis, mas todos falavam inglês, o que facilitou muito para o turista", disse. Ele calcula que entre albergues, motéis e hotéis hoje existam 30 mil quartos na cidade.

"Para nossa surpresa, após o pacote olímpico de incentvos da prefeitura, já temos licenciados para construção imediata cinco mil quartos", ressaltou ele.

Lopes lembrou que a Barra já começa a se consagrar como destino do turista por causa das muitas arenas, das feiras no Riocentro e dos hotéis de grande porte.          

veja também