MENU

Prefeitura de SP e Eletropaulo fazem convênio para poda de árvores

Prefeitura de SP e Eletropaulo fazem convênio para poda de árvores

Atualizado: Quinta-feira, 9 Dezembro de 2010 as 4:08

A Prefeitura de São Paulo e a Eletropaulo, concessionária responsável pelo fornecimento de energia elétrica na capital paulista, assinaram nesta quinta-feira (9) um convênio com duração de dois anos para a poda de árvores na cidade. O objetivo é unificar e padronizar os métodos de atuação e agilizar os trabalhos, evitando que haja duplicidade nos trabalhos da administração municipal e da empresa.

“Não tem sentido um trabalho dessa importância, com essa escala, com o transtorno que causa no trânsito, mas um trabalho necessário, não seja feito centralizado”, explicou o prefeito Gilberto Kassab. Segundo ele, a cidade atualmente tem 2 milhões de árvores, e a expectativa é chegar a 3 milhões. “Se atingirmos esse número, que a gente possa todo ano atingir a manutenção, poda, e outras operações em relação a 300 mil arvores, portanto de dez em dez anos atingirmos todas as árvores.”

De acordo com o secretário de Coordenação das Subprefeituras, Ronaldo Camargo, está previsto para os primeiros meses do próximo ano a unificação do manual de atuação desenvolvido pela secretaria e pela Secretaria Municipal do Verde e do Meio Ambiente, com o da Eletropaulo. Com a padronização, a Eletropaulo fica responsável pela poda de árvores que estão atrapalhando a fiação elétrica, enquanto a Prefeitura atua nos outros casos e no recolhimento do material das ruas.

“O cadastramento está sendo cruzado, tanto o cadastro da Eletropaulo quanto o da subprefeituras e da Secretaria do Verde e Meio Ambiente, já existe um piloto feito na região da Lapa, e esses cadastros vão ser informatizados para chegar em médio prazo todos os agrônomos e agentes com informação em tempo real”, explicou o secretário. Técnicos da Eletropaulo já estão utilizando equipamentos eletrônicos portáteis em fase de testes, assim como técnicos da subprefeitura da Lapa, na Zona Oeste. “O objetivo é atendermos os principais corredores em função dos pedidos recebidos pela Prefeitura e Eletropaulo conjuntamente, para não termos que desligar a energia por quatro vezes para um mesmo corredor, uma logística muito complexa, para cortar uma árvore cada vez. E também a Prefeitura estar presente para cortar as árvores que não estão em fiação e principalmente retirar os galhos cortados”, disse Camargo.

No último fim de semana, a Prefeitura e a Eletropaulo realizaram um mutirão de poda piloto para a parceria. No total, mais de 470 árvores foram podadas em cinco subprefeituras. No próximo fim de semana um novo mutirão será realizado nas subprefeituras de Pinheiros e da Sé – na região da Rua Groelândia e da Avenida Rio Branco, respectivamente.

O vice-presidente da Eletropaulo, Jorge Busato, disse esperar que a parceria diminua os problemas enfrentados pela empresa durante as chuvas de verão. “Nós tivemos um verão no ano passado bastante complicado, mas isso trouxe também benefícios de planejamento para esse próximo ano. Avançamos bastante este ano, nós podamos já adequadamente o dobro do que nós podamos no ano passado. Embora o efeito das chuvas está sendo menor este ano, mas nós achamos que nós poderemos ter um verão bastante melhor, mesmo com chuva”, afirmou.

De acordo com o secretário Ronaldo Camargo, cerca de 83 mil árvores foram podadas em 2010 – o dobro do número de acionamentos recebido pelos órgãos competentes. Outras 22 mil árvores foram plantadas e 14 mil removidas.

veja também